Olyng

Dicas e Estratégias de Marketing Digital

Primeiros Passos com o Google Analytics
Web Analytics

Primeiros Passos com o Google Analytics

O Google Analytics é uma das ferramentas indispensáveis para qualquer pessoa que possui um site na internet.

Atualmente, com a evolução acelerada da tecnologia e do ambiente virtual, é possível mensurar tudo o que acontece online.

Imagina você podendo capturar alguns dados como a quantidade de usuários, tempo gasto pelos visitantes em cada uma de suas páginas, navegadores utilizados pelos visitantes, as páginas que foram visitadas e muitas outras informações dos visitantes que acessam o seu site ?

Sim, isso é possível de ser feito, e a Google Analytics – por vezes conhecida como GA – vem te ajudar nesse aspecto oferecendo dados organizados, que podem ser mensurados e analisados a fundo por qualquer pessoa.

Por conta disso a Google Analytics é uma ótima ferramenta capaz de capturar todos os dados dos visitantes que chegam até o seu site, para que futuramente esses dados possam ser usados para traçar as melhores estratégias de marketing digital.

Neste artigo você vai reconhecer que a Google Analytics é mais do que uma simples ferramenta capaz de analisar o trafego do seu site, mas uma ferramenta poderosa capaz de apoiar as suas estratégias de marketing digital.

O que vou Aprender Hoje ?

O que é o Google Analytics ?

O Google Analytics é uma ferramenta gratuita oferecida pela própria Google que tem por objetivo analisar o trafego que chega até o seu site ou o seu blog.

Basicamente quando um determinado visitante acessa uma página existente no seu site, existe alguns dados que podemos capturar dele, que por sua vez respondem as perguntas a seguir:

  • Qual o IP do visitante ?
  • Qual a resolução da tela do monitor dele ?
  • Quanto tempo esse visitante permaneceu na página ?
  • De onde esse visitante veio até chegar no meu site ?
  • Qual dispositivo esse visitante estava acessando quando abriu meu site ? (Desktop, Notebook, Tablet, Celular, Smart TV)
  • Qual dia da semana, horas, minutos e segundos esse visitante acessou minha página ?

Atualmente existem diversas ferramentas capazes de analisar o trafego do seu site – muitas gratuitas e outras pagas – e o Google Analytics não deixa de ser um deles.

E é claro que a ferramenta Google Analytics diferente das outras, oferece alguns recursos únicos que só podem ser encontrados nela.

Tais recursos são a capacidade de você poder acompanhar algumas características a mais dos seus visitantes – isso é… se os mesmos estiverem conectados em suas próprias contas da Google assim que tentarem acessar uma das páginas do seu site –, como:

  • Idade
  • Gênero Sexual
  • Informações Geográficas
  • Interesses
  • E comportamentos

Como o Google Analytics consegue essas informações ?

Aí você me pergunta, como é que o Google Analytics consegue esses tipos de informações ?

É a resposta para esta pergunta é bem simples!

O primeiro ponto que devemos entender, é que o Google está constantemente presente em nossas vidas, seja em aparelhos celulares (Android), algumas vezes nos ajudando a realizar pesquisas na internet, nos atualizando com notícias, mostrando promoções, recebendo e enviando nossos e-mails (Gmail), ou quem sabe guiando a gente pela rua (Google Maps).

Agora você lembra da primeira vez em que você precisou criar uma conta na Google ? – Seja para configurar o seu celular android pela primeira vez, criar uma conta no youtube, Google + ou quem sabe você precisou usar algum serviço da Google.

Então, se você se lembrar bem, na tela de cadastro além do seu nome e sobrenome, o Google pediu mais algumas informações sobre você, como:

  • Data de Nascimento
  • Gênero
  • Pais
  • Telefone
  • E um endereço de e-mail adicional

É claro que esses dados são necessários para que a Google te ofereça os melhores serviços, e caso você tenha interesse em saber o principal motivo de o por que dela pedir essas informações, você pode descobrir neste link.

Mas esse não é o ponto aonde eu quero chegar com você, mas sim o fato de que é a partir dessas informações que ele começa a identificar que tipo de usuário você é.

Nesse caso, toda vez em que você está logado com a sua conta do Google e quem sabe faz uma pesquisa no Google, busca por algum vídeo no Youtube (Sim o Youtube é da Google), se inscreve em um canal, usa o Google Maps, compra no Google Shopping ou compartilha algo no Google +, ele entende quais são os principais termos que você pesquisa, o que você curte, o que você compartilha, e é através disso que ele sabe de todos os seus interesses e comportamentos.

E como a ferramenta do Google Analytics é da própria Google, há de se imaginar que ela compartilha alguns desses dados com os profissionais que usam a ferramenta de analytics.

Mas fique tranquilo, uma vez que o Google ele não compartilha o seu nome, telefone ou quem sabe a localização exata de onde está.

Na verdade, o que chega para nós é um resumo contendo as principais características dos nossos visitantes, como por exemplo:

  • Idade: 30% dos usuários tem entre 25 a 40 anos.
  • Principais Países: 80% dos visitantes vem do brasil, 20% vem do chile.
  • Além dos interesses e comportamentos.

Agora imagina você sendo capaz de ter todos esses dados dos seus visitantes em mãos ?

Imagina a infinidade de novas caminhos e estratégias de marketing que você poderia aplicar no seu site baseado nos resultados dessa ferramenta… incrível, não ?

Quais os benefícios oferecidos pela Google Analytics ?

Com o Google Analytics você tem diversas possibilidades e benefícios tanto para o seu site quanto para as estratégias de marketing digital que você deseja aplicar no seu negócio.

De uma certa forma, a GA não deixa de ser uma ferramenta de Web Analytics, e fazer o uso de uma ferramenta como essas vai te trazer inúmeros benefícios.

Tais benefícios que tivemos o prazer de lista-los em um artigo que criamos especialmente pra você, sobre como o web analytics pode ajudar o seu negócio digital.

Voltando ao assunto, ficaríamos horas a fio se fossemos falar sobre todos os benefícios oferecidos por essa ferramenta, por conta disso, eu separei alguns dos recursos mais importantes que você pode encontrar nessa ferramenta, aqui vai alguns deles:

Desempenho – Mostra o número total de visitantes, visitantes únicos, sessões e os que retornam ao site.

Mostra as origens do tráfego – que são os locais de onde vêm os acessos que você recebe.

Metas – indicando quais das metas estabelecidas para o site foram atingidas.

Resultados de e-commerce – informa para você como estão indo as vendas na sua loja virtual.

Marketing –  te mostra quais campanhas estão dando certo ou não.

Redes sociais – indica o desempenho das suas páginas nas redes sociais.

Independentemente se você é um profissional de marketing ou não, você precisa utilizar essa ferramenta, uma vez que ela é fundamental para mensurar o desempenho do seu site, fazendo com que você esteja mais apto a traçar estratégias baseadas e orientadas a resultados (conversão), que foram previamente mostrados pelo GA.

Fazendo uma pequena analogia ao mundo real, O Google Analytics é como se fosse um mapa para encontrar falhas e acertos que estão acontecendo no seu site.

Por exemplo, vamos supor que você criou uma campanha de marketing visando atrair mais trafego para o seu site, como é que você vai saber a quantidade de visitantes que estão chegando até suas páginas ? Quanto tempo eles permanecem lá e o que fazem depois disso ?

Para te ajudar a responder essa pergunta, eu trouxe aqui uma frase do estatístico William Deming aonde ele diz o seguinte: “Não se gerencia o que não se mede”.

Fala de William Deming, aonde ele diz "Não se gerencia o que não se mede".

Por vezes você pode estar criando a sua campanha e achar que as pessoas estão acessando o seu site, enquanto na verdade não estão.

Pode acontecer também, de você achar que a sua campanha de marketing está dando certo e atingindo os resultados esperados e por conta disso continuar investindo seu dinheiro em uma coisa que na verdade pode não estar te trazendo resultado nenhum.

E vai ser através da ferramenta do Google Analytics que você vai conseguir melhorar o que precisa ser melhorado e aperfeiçoar o que já está bom.

Nesse caso a tomada de decisão fica mais fácil e um pouco mais confiável do que antes, uma vez que com o GA você saberá exatamente aonde você está pisando.

  • Se eu alterar essa página, qual será o resultado ?
  • Talvez se eu remover esse detalhe, será que isso vai impactar em alguma coisa ?
  • Minha campanha de marketing está atraindo bastante visitantes mas os mesmos não estão acessando a página de promoções… e se eu colocar o link dessa página de uma forma mais evidenciada ?

Google Analytics e a sua relação com o marketing digital ?

Como dito anteriormente é de extrema importância e 100% aconselhável que você use o Google Analytics – ou se desejar uma outra ferramenta de web analytics – para analisar as suas campanhas de marketing digital.

Vai ser através do GA que você vai começar a identificar se as suas campanhas estarão tendo um retorno esperado, o de análise de ROI (Return of Investment), onde é possível mensurar qual o valor financeiro que foi gerado e retornou como lucro.

E não para por aí, com essa ferramenta você também vai conseguir mensurar outras coisas como:

  • Leads,
  • Preenchimento de Formulários,
  • Inscrições em newsletters e etc.

Com isso não só o Google Analytics mas como também a maioria das ferramentas de Web Analytics, dão suporte e apoio a decisões aplicadas ao marketing digital, através de informações capazes de indicar se tais ações de marketing estão tendo o retorno esperado.

Configurando o Google Analytics pela primeira vez

Eu vou partir do pressuposto de que você ainda não tenha a ferramenta do GA instalada no seu site, nesse caso, a primeira coisa que você deve fazer é acessar a página inicial da ferramenta por este link.

Ou se preferir você pode pesquisar no Google o termo “Google Analytics” e clicar no primeiro resultado.

Você precisa ter uma conta no Google

A partir do momento em que você acessa a página inicial da ferramenta, você será redirecionado para uma tela de login do Google, aonde você deve entrar com a sua conta (do Gmail) ou criar uma nova conta.

O processo de criação de conta é bem fácil e pode ser seguido por qualquer pessoa sem muitas dificuldades.

Caso você opte por criar uma nova conta, pode acontecer de no final da etapa de configuração, você ser redirecionado para o gerenciador geral da sua conta no Google, se isso acontecer com você basta seguir o passo descrito no tópico anterior, e acessar a página inicial da ferramenta.

Inscrevendo-se no Google Analytics

Nesta primeira etapa a gente vai informar alguns detalhes básicos sobre o site que a gente quer monitorar.

Para continuar basta clicar no botão “inscrever-se”.

Na próxima tela, a ferramenta vai pedir para que você preencha alguns dados do seu site, tais como:

O que você quer acompanhar ? – aqui você deve selecionar o tipo de plataforma que você quer monitorar, se é o seu próprio site ou quem sabe um aplicativo para dispositivo móvel.

Lembrando que os campos irão mudar caso você alterne entre as opções de “Website” e “Aplicativo para dispositivo móvel”.

Configurando sua conta – neste campo você deve informar o nome da sua conta, podendo ser números e letras.

O nome da conta é a forma que você irá identificar o site que estará sendo monitorado, até porque futuramente pelo GA você pode adicionar outros sites em uma mesma conta.

Configurando sua propriedade – neste campo você deve informar o nome do seu site.

No site da olyng.com por exemplo, eu coloquei ali o termo “Olyng” para ser o nome do meu site, já no meu blog (blog.olyng.com) o termo colocado foi “Blog da Olyng”.

URL do site – neste campo você deve informar a url do seu site que você quer monitorar.

Categoria do Setor – aqui você deve selecionar a categoria em que o seu site está inserido, é da categoria de saúde ? Jogos ? Finanças ?

Fuso Horário dos Relatórios – você deve selecionar o fuso horário do seu pais para que você receba os relatórios no seu horário e não em horários diferentes.

No meu caso, como eu moro no brasil eu selecionei a opção “brasil” e inseri o fuso horário da minha cidade.

Configurações do compartilhamento de dados – como a ferramenta mesmo explica você pode ter mais controle sobre o compartilhamento de dados com outros sistemas ou com o suporte técnico da Google (Caso um dia precisar).

Eu recomendo que você deixe todas as opções marcadas.

Por fim basta clicar no botão “Ver ID de acompanhamento” e aceitar os termos de uso propostos pela ferramenta.

Adicionando um código de acompanhamento

Após ter feito a configuração inicial e aceitar os termos de uso da Google Analytics, uma tela contendo um ID de acompanhamento vai aparecer para você.

Neste momento você deverá inseri-lo dentro do seu website como é mostrado na tutorial da própria ferramenta, aonde você deve copiar o código javascript (gtag.js) e inserir entre as tags <head></head> no código HTML das suas páginas.

Caso você não estiver familiarizado em trabalhar com códigos html, e estiver usando a plataforma do WordPress, você pode usar um plugin chamado MonsterInsights, que é um plugin oferecido gratuitamente, aonde você só precisa instala-lo e fornecer para ele o seu ID de acompanhamento.

Quer saber como instalar o Monster Insights no tema do seu WordPress ? Veja o nosso artigo sobre Configurando o Google Analytics no WordPress – Passo a Passo

Indo para a tela inicial do Google Analytics

Instalou o código de acompanhamento no seu site ?

Então você está pronto para começar a entender como funciona a ferramenta do Google Analytics, para que possamos continuar a nossa jornada, você precisa ir para a tela inicial da ferramenta.

Para isso basta que você clique no ícone da casinha existente no menu lateral esquerdo, como mostra a imagem abaixo.

Botão que vai direto para a página inicial do google analytics.

Página Inicial do Google Analytics

A página inicial da ferramenta é bastante simples e bem resumida, é por ela que você tem uma visão geral do desempenho de todas as coisas que estão acontecendo no seu site.

Vejamos agora, qual a importância e o como funciona cada um desses recursos.

Visão Geral

Visão geral do google analytics.

O primeiro bloco de informações que é mostrado pelo GA, é um resumo da visão de geral de tudo o que está acontecendo no seu site nos últimos 7 dias.

Aqui você pode acompanhar:

Quantidade de Usuários – Como o próprio nome já diz, é a quantidade total de visitantes que acessaram a sua página.

Número de Sessões – é o número total de ações que o usuário executa, aonde reúne todas as ações que foram executadas pelo usuário dentro do site.

Taxa de Rejeição – apesar de muita gente achar que essa taxa seria a porcentagem de abandono de uma determinada página, na verdade ela não é!

Essa taxa de rejeição é calculada pelo número de sessões que seus visitantes fazem no seu website.

Então quando alguém entra em uma página do seu site e sai sem interagir com nenhuma outra página (Clicar em outro link) a taxa de rejeição aumenta.

Mas isso não significa que o visitante abandonou o site, as vezes ele pode ter aberto um artigo, ter feito a leitura do mesmo, mas não encontrou nada mais de interessante e simplesmente saiu da sua página – talvez pela falta de interesse ou quem sabe ele só acessou aquela página para tirar uma dúvida.

Duração da Sessão – Representa o tempo em que os seus visitantes costumam dedicar ao seu site quando entra em uma de suas páginas.

Usuários ativos em tempo real – mostra a quantidade de usuários que estão dentro do seu site agora neste exato momento.

Como você atrai usuários ?

como você atrai usuários ?

Neste bloco você pode ver o local de onde os seus usuários costumam vir até acessar a sua página, ou seja, aonde estes visitantes estavam quando caíram no seu site ?

Por padrão o Google Analytics consegue identificar os canais principais de onde os seus visitantes costumam vir e com isso separa-los por categorias.

As categorias são:

Direct – Significa que esse visitante caiu no seu site de uma forma direta, ou seja, ele simplesmente achou a sua URL em algum lugar e acessou diretamente pelo navegador.

Organic Search – Significa que esse visitante pesquisou por um determinado termo nos buscadores (Google, Yahoo, Bing…), achou o link do seu site por lá e resolver clicar nele.

Social  –  Significa que esse visitante estava em uma rede social (Facebook, Linkedin, Twitter, Instagram…) achou um link do seu site e resolveu clicar nele.

Email  –  Significa que esse visitante estava abrindo tranquilamente seus e-mails (Hotmail, Gmail…) e dentro de um desses e-mails ele acabou encontrando o link do seu site e acabou entrando nele.

Referral  –  Pode acontecer de algum site externo – quem sabe algum site de um parceiro seu – ter algum link que aponte para o seu site. E um determinado visitante acabou caindo no seu site através do seu link que estava em outro site.

Paid Search  –  Sabe aqueles resultados patrocinados do Google que de vez em quando (pra não dizer sempre) aparecem quando fazemos uma determinada pesquisa no Google ?

Então, você também pode divulgar seu site ali, e o paid search nada mais é quando um visitante acessa o seu site através daquele link.

Display  –  É quando um visitante acessa a propaganda do seu site que geralmente é encontrado dentro de um outro site, isso é feito por meio do google adsense.

Others  –  Significa que o Google não soube identificar a maneira de como esse visitante veio, ou quem sabe, ele acabou vindo de uma outra forma que não está na lista acima.

Tendencias dos usuários ativos ao longo do tempo

usuários ativos

Aqui podemos encontrar um gráfico que mostra a quantidade de usuários ativos ao longo do tempo, com parâmetros que informam a quantidade mensalmente, semanalmente e diariamente.

Desempenho na retenção de usuários

Retenção de usuários.

Neste bloco você pode encontrar a porcentagem que mostra a taxa de retenção dos usuários que acessaram o seu site ao longo dos dias comparado com suas respectivas semanas.

Horários em que ocorrem as visitas

Usuários por horário do dia.

Com o Google Analytics você consegue acompanhar os principais horários em que os seus visitantes costumam acessar as suas páginas.

Além dos horários o gráfico também consegue mostrar os dias da semana.

Localização dos usuários

Sessões por país.

Como o nome do bloco já diz, aqui você encontra um mapa-múndi que te mostra a quantidade de acessos que o seu site recebeu de cada país.

Dispositivos moveis mais utilizados

Sessões por dispositivo.

A ferramenta também consegue te mostrar a porcentagem de dispositivos que foram usados pelos seus visitantes para acessar as páginas do seu website.

Páginas visitadas pelos usuários

Páginas mais acessadas atreladas a quantidade de exibições totais.

No último bloco você vai encontrar uma tabela que mostra a relação das páginas do seu site com a quantidade de visitas em que cada uma delas recebeu nos últimos 7 dias.

Relatórios

Na categoria de relatórios você vai encontrar todos os recursos únicos que são oferecidos pelo Google Analytics tais como:

  • Capacidade de visualizar informações sobre o seu público
  • Capacidade de visualizar comportamentos e interesses
  • Novas aquisições e conversões

Vejamos agora, alguns desses recursos com mais detalhes abaixo.

Lembrando que o menu de relatórios pode ser localizado no canto esquerdo da ferramenta logo abaixo do link de “Personalização”.

Tempo real

Dentro da categoria de relatórios nós temos o recurso de visualizar com mais detalhes os visitantes que estão acessando o nosso site nesse exato momento (em tempo real).

Podemos acompanhar os eventos realizados por eles, a localização, ás páginas que estão sendo acessadas e muitas outras informações que ficaram ocultas na categoria de visão geral.

Público

Na categoria de público nós conseguimos visualizar com mais detalhes as informações de nossos visitantes como:

  • Usuários
  • Novos Usuários
  • Taxa de Rejeição
  • Sessões
  • Visualizações por páginas

E muitos outros dados que também foram mostrados na categoria da visão geral, a única diferença é que esses mesmos dados podem ser vistos com mais detalhes.

Ainda dentro de público nós temos algumas subcategorias a mais listadas no menu da esquerda, aonde você poderá visualizar:

Informações Demográficas – mostrando o sexo e a idade da maioria de seus usuários.

Interesses – aonde mostra um resumo dos interesses dos seus usuários, seja pela categoria de afinidade, segmento de mercado ou outros interesses.

Geográfico – mostrando o idioma falado pela maioria deles e os países aonde a maioria do seu público se encontra.

Comportamentos – analisando a frequência do tempo de retorno para o seu site e a diferença de comportamento de novos visitantes comparados com aqueles que voltaram a acessar novamente as suas páginas.

Além disso nós temos muitos outros dados que podemos analisar através dessa subcategoria de público.

Aquisição

Já na subcategoria de aquisição dos visitantes, nós podemos acompanhar algumas métricas como:

  • A origem de todo o trafego (De onde esses usuários vieram até chegar no meu site),
  • Campanhas que foram realizadas através do Google Ads,
  • Integrações com o Google Search Console,
  • Relatórios de redes sociais,
  • E administrar algumas campanhas.

Comportamento

Na área de comportamento, como o nome já diz, podemos acompanhar o comportamento dos nossos visitantes dentro do nosso site e em cada uma de nossas páginas.

Aqui você pode encontrar recursos capazes de te mostrar:

  • Para onde esses usuários estão indo depois que entram no seu site,
  • Métricas que mostram o tempo de carregamento das suas páginas,
  • O que seus usuários estão pesquisando na sua pesquisa interna do seu site (É necessário integrar com o seu site)

E muitas outras métricas de comportamento que podemos encontrar por aqui.

Conversão

Por fim nós temos a área de conversão aonde você pode trabalhar com algumas coisas mais avançadas como:

  • Metas e Objetivos
  • Comércio Eletrônico
  • Funis Multicanais
  • E atribuições

Google Analytics funciona em E-commerces ?

Dentro do e-commerce, podemos analisar individualmente um produto ou serviço e mensurar o seu potencial de venda.

O Google Analytics proporciona uma análise dos resultados de campanhas de vendas, para sabermos quais são as melhores e quais não valem a pena serem mantidas.

Conseguimos analisar o retorno que uma loja virtual nos dá, contabilizar todas as informações e determinar quais estratégias de marketing devem ser adotadas para impulsionar a venda de determinado produto ou serviço.

Ter um e-commerce e não analisá-lo com o Google Analytics é como andar vendado sobre cacos de vidro. Você deve saber quais são as consequências de seus atos e estratégias para ter sucesso em qualquer tipo de conversão, seja esta financeira ou não.

O Google Analytics não resolve erros !

Devemos entender que o Google Analytics é uma ferramenta de análise, e nesse caso ele não vai consertar um problema existente no seu site sozinho (Ele não faz milagres).

Mas com base nas informações adquiridas, podemos analisar onde está o problema e mudar o planejamento para resolver essas questões.

O Google Analytics ajuda muito, sendo indispensável na gestão de um site ou loja virtual, mas se você cruzar os braços e não fizer nada, não é ele quem vai fazer.

Conclusão

Podemos concluir que o Google Analytics é uma ferramenta obrigatória para qualquer site.

Através de uma análise minuciosa de tráfego e comportamento do usuário, conseguimos saber se as estratégias de marketing que foram aplicadas estão dando certo, de onde vêm o tráfego, quantas pessoas estão visitando o site e de que forma, e muito mais.

Indispensável é com certeza a melhor palavra para descrever essa ferramenta que norteia os passos de qualquer trabalho de marketing digital.

Pode ser realmente difícil aprender a lidar com o Google Analytics em um primeiro momento, mas com um pouco de prática, muita paciência e sede de aprender, tudo é possível.

Esteja preparado para analisar o desempenho do seu site ou loja virtual e aumente sua conversão adotando melhores estratégias de marketing, descartando o que não funciona e melhorando o que está dando resultado 😉

Escrito por William Lima - 26 de novembro de 2018 - 942 Views

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] Se você estiver interessado em saber um pouco mais sobre essa incrível ferramenta e como ela consegue capturar todos esses dados, visite o nosso artigo de Primeiros Passos com o Google Analytics. […]

trackback

[…] Quer saber como configurar a ferramenta do Google Analytics passo a passo ? Veja o nosso artigo sobre Primeiros Passos com o Google Analytics […]